Nacional

Pedidos de auxílio-desemprego nos EUA têm alta inesperada com aumento de casos de Covid-19

Pedidos iniciais do benefício subiram em 23 mil, para 230 mil. O número de norte-americanos que entraram com novos pedidos de auxílio-desemprego aumentou de forma inesperada na primeira semana de janeiro em meio a uma onda de infecções por Covid-19, mas permaneceu em nível consistente com condições de mercado de trabalho cada vez mais apertadas.
Os pedidos iniciais de auxílio-desemprego subiram em 23 mil, para 230 mil, em dado ajustado sazonalmente, na semana encerrada em 8 de janeiro, informou o Departamento do Trabalho nesta quinta-feira (13). Economistas consultados pela Reuters previam 200 mil pedidos para a última semana.

Fonte: G1