Nacional

Em ano de crise, lançamentos de imóveis residenciais caem 17,8% em 2020, diz CBIC

Já as vendas tiveram alta de 9,8% no mesmo período. Ano de crise econômica, 2020 viu os lançamentos de imóveis residenciais recuarem 17,8% em relação a 2019, segundo a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC). Os dados, divulgados nesta segunda-feira (22), mostram que foram lançados, no ano passado, 151.857 imóveis.
Na contramão, as vendas tiveram alta de 9,8% na mesma base de comparação: passaram de 172.902 unidades em 2019 para 189.857 em 2020.
Na comparação anual, houve expansão nos lançamentos nas regiões Norte (9,7%) e Centro-Oeste (24,7%). Por outro lado, foi registrada queda no Nordeste (-9,6%), Sudeste (-20,9%) e Sul (-32,7%).
No caso das unidades vendidas, apenas o Sudeste registrou queda (-2,2%). A Região Norte teve aumento de 50,1% nas vendas, seguida pelo Nordeste (49,7%), Sul (12,9%) e Centro-Oeste (9,2%).
Construtoras e imobiliárias comemoram o crescimento no financiamento de imóveis
Dados trimestrais
A pesquisa mostra que do 3º para o 4º trimestre os lançamentos tiveram um aumento de 33,2% nos lançamentos, atingindo a marca de 61.274 unidades. Porém, na comparação entre o quarto trimestre de 2019 e 2020, ainda é computada uma queda de 7,1%.
A pesquisa aponta que houve um aumento de 3,9% das vendas na comparação entre o 3º e o 4º trimestres. Também foi registrada elevação de 6,7% quando comparadas as vendas entre o 4º trimestre de 2019 e 2020.
Assista as últimas notícias de economia

Fonte: G1