Nacional

Inflação de junho fica em 0,01%, menor nível do ano, diz IBGE

Alimentos e transportes puxaram o IPCA para baixo em junho; índice mede a inflação oficial do país

Alimentos e transportes puxaram a inflação para baixo em junho.

Segundo anúncio feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na manhã desta quarta-feira, 10, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) ficou em 0,01% no mês, a menor taxa do ano até agora.

O número representa uma queda de 0,12 ponto percentual em relação à taxa de maio, que venho em 0,13%. No ano, O IPCA acumula alta de 2,23%. Já nos últimos 12 meses, atinge 3,37%, abaixo do centro da meta estipulada pelo pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), de 4,25%.

Alimentos e transportes caíram 0,31% e 0,25%, respectivamente, na comparação com maio, com um peso de 43%, quase a metade do IPCA. Os alimentos, que tiveram a segunda queda mensal consecutiva foram pressionado pela redução nos preços das frutas e do feijão carioca, que somam três quedas seguidas.

Grupo Maio (variação em %) Junho (variação em %)
Índice Geral 0,13 0,01
Alimentação e Bebidas -0,56 -0,25
Habitação 0,98 0,07
Artigos de Residência -0,1 0,02
Vestuário 0,34 0,3
Transportes 0,07 -0,31
Saúde e Cuidados Pessoais 0,59 0,64
Despesas Pessoais 0,16 0,15
Educação -0,04 0,14
Comunicação -0,03 -0,02

 

Grupo Maio (impacto em p.p.) Junho (impacto em p.p.)
Alimentação e Bebidas -0,14 -0,06
Habitação 0,15 0,01
Artigos de Residência 0 0
Vestuário 0,02 0,02
Transportes 0,01 -0,06
Saúde e Cuidados Pessoais 0,07 0,08
Despesas Pessoais 0,02 0,01
Educação 0 0,01
Comunicação 0 0

Fonte: Exame