Internacional

Juncker diz não estar otimista de que Brexit sem acordo possa ser evitado

Segundo o presidente da Comissão Europeia, o Brexit sem acordo "terá terríveis consequências econômicas e sociais" no Reino Unido e no continente

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, disse nesta quinta-feira que continua desanimado quanto à possibilidade de o Reino Unido conseguir evitar uma ruptura caótica com a União Europeia no próximo mês.

Segundo Juncker, um eventual Brexit sem acordo “terá terríveis consequências econômicas e sociais tanto no Reino Unido quanto no continente”.

Juncker disse também que tem feito o possível para que “o pior seja evitado”, mas que não está otimista em relação a esse assunto.

No fim da quarta-feira, Juncker e a primeira-ministra britânica, Theresa May, disseram ter tido conversas construtivas na sede da UE em Bruxelas. Eles também afirmaram que negociadores de ambos os lados iriam buscar uma solução urgente para a questão do Brexit, de modo a evitar que o Reino Unido saia da UE, em 29 de março, sem um acordo que regule sua futura relação comercial com o bloco.

Fonte: Exame